Segurança

Em qualquer estrada

O que a segurança dos motoristas nas estradas representa para nós da Valecap? Tudo. Quando realizamos um serviço, não encaramos isso apenas como uma reforma de pneus, alinhamento, balanceamento ou freios. Pensamos na vida do ser humano atrás do volante, do caminhoneiro, que transporta o Brasil. Por isso, possuímos uma equipe treinada e capacitada periodicamente para oferecer o melhor em segurança aos nossos clientes.

Sua vida vale muito!

Sem margem para riscos

Quem é estradeiro sabe que não se pode dar margem para riscos. Nesse caso, segurança vale a vida do caminhoneiro e do motorista de ônibus. Cair no asfalto livre da preocupação com a segurança dos pneus é um benefício para todo caminhoneiro, que poderá dar atenção a outros assuntos importantes como, por exemplo, percurso, prazo e entrega da carga em perfeitas condições. 

Destino certo

No caso do motorista de ônibus, imprescindível é chegar ao destino sem acidentes e com os passageiros em segurança. A Valecap sabe dessa realidade e quer proporcionar tranquilidade ao pessoal do trecho oferecendo serviços com excelência em qualidade.

Alapa

Nossa parceira Pirelli também prioriza a segurança. A Pirelli faz parte da Alapa (Associação Latino-americana de Pneus e Aros) que visa garantir a qualidade dos produtos fabricados por suas associadas. Para isso, estabelece uma série de normas e padrões que as integrantes devem obedecer.

Manual de Segurança do Caminhoneiro

A Alapa tem um manual de segurança para caminhões e ônibus com as recomendações sobre o uso e a manutenção de pneus e aros. O manual prevê que o usuário obtenha o máximo de aproveitamento do produto, mas com segurança. Você, do trecho, dê uma olhada nesse manual e verifique se você está adotando todas as medidas para se proteger de acidentes e garantir o bom uso dos pneus do seu veículo. CLIQUE para acessar o manual.

Dez dicas para melhorar a convivência entre caminhoneiros e motoristas de carros nas estrada

Você também pode fazer a sua parte para garantir a segurança nas estradas. Uma delas é ter cautela e paciência. A convivência entre caminhoneiros e motoristas de carros é uma complicada via de mão dupla, onde um reclama do outro e todo mundo está certo e errado ao mesmo tempo. Vários sites para caminhoneiros publicaram as principais dicas para melhorar essa relação. Saiba quais são:

Na hora de escolher um lugar para reformar os pneus, você deve prestar atenção em vários itens para garantir a sua segurança:

  • Em primeiro lugar, escolha uma reformadora que possua a certificação do INMETRO.
  • Verifique como essa reformadora é vista pelos consumidores (amigos, transportadores e outros).
  • Procure saber qual a fabricante de borrachas que essa reformadora trabalha.
  • Peça para conhecer o chão de fábrica dessa empresa que reforma pneus.
  • Veja se essa reformadora possui descarte correto dos pneus insersíveis.

Dicas para a segurança dos motoristas no trânsito

A segurança na estrada também depende de você. Veja algumas orientações que o DETRAN do Paraná divulgou para garantir a segurança no trânsito. Selecionamos as principais dicas para os motoristas de carros:

  • Os equipamentos de segurança são essenciais: no carro - o cinto de segurança;
  • O tamanho do veículo indica responsabilidade. Os maiores devem tomar cuidado com os menores, mais frágeis em caso de acidente: motos, bicicletas e pedestres.
  • Não aceite desafios e nem provocações no trânsito. Não abuse da autoconfiança;
  • Mantenha o veículo, seja carro, moto ou bicicleta, sempre em boas condições de funcionamento;
  • Não dirija se estiver sob o efeito do álcool, remédios ou qualquer outra substância tóxica;
  • Certifique-se de que os demais motoristas e os pedestres estão vendo o seu veículo use, a sinalização de forma correta;
  • Respeite sempre a sinalização de trânsito, em qualquer local e horário;
  • De carro, cuidado com o farol alto. Você pode ofuscar a visão do motorista na via de sentido oposto.

Checklist é seu ponto de partida para uma grande aventura. Mas planejar uma aventura não parece contraditório? Não. Trilheiro, tire do seu caminho todo detalhe que pode atrapalhar sua experiência, reduza as chances de imprevistos negativos e prepare planos B e C para minimizar estragos que não puderem ser evitados. Com a estrada livre, você potencializa sua adrenalina para enfrentar só o que a uma vida de fortes emoções pode oferecer: lama, buraco, água, pedregulho, rochas, vegetação aberta e fechada, chuva, sol, vento forte e surpresas fantásticas. No final, corpo cansado e alma lavada.

Vamos, lá. Sem preguiça. Tome nota.

Checklist para trilheiro:

  • Waze (aplicativo para localização usado em celular)
  • GPS
  • App de navegação
  • Mapa
  • Bússola (para os trilheiros hipsters)
  • Kit de Primeiros Socorros
  • Protetor e óculos solares

Checagem do veículo:

  • Qualidade e aderência dos pneus
  • Encaixe das rodas
  • Geometria
  • Calibragem dos pneus
  • Balanceamento
  • Filtro de óleo
  • Pastilha de freio
  • Estepe, macaco e chave de roda

Superdica: para quem é do rally, lembre-se de que sempre rola uma tensão e falhas, isso é normal. Então, esteja bem acompanhado. A dupla de piloto e navegador, a equipe ou seus amigos de aventura devem ser afinados e ter ótima comunicação. No final, é só comemorar aquela sensação incrível de completar as provas. É uma delícia!

Superdica Valecap: leve seu veículo para uma revisão geral antes de cair na trilha. Escolha um estabelecimento que ofereça total qualidade e segurança. A Valecap Pneus e Truck Center tem o selo de qualidade INMETRO, além de ser da rede credenciada da Vipal e também da Pirelli Novateck. Vamos combinar que aventura completa é aquela que você se diverte com segurança.

Nós privilegiamos a qualidade total dos serviços para garantir a segurança dos motoristas.

Para a reforma, prestamos atenção em várias condições de segurança do pneu que:

  • Não deve apresentar fadiga;
  • Deve ter tempo de fabricação de no máximo sete anos para pneus de carga e cinco anos para pneus de passeio;
  • Não deve apresentar desgaste excessivo;
  • Não deve ter rodado com baixa pressão;
  • Não deve apresentar excesso de picotamentos em sua banda de rodagem;
  • Não deve estar com lonas e arames expostos.

Para serviços de geometria, as condições necessárias são:

  • Não apresentar desgaste nos componentes de suspensão e direção;
  • Não apresentar desgaste no embuchamento da manga de eixo;
  • Não apresentar desgastes nas buchas dos braços tensores da tração, truck e carretas.

Para serviços de freios, as condições de segurança são:

  • Não apresentar tambores e discos de freios com desgaste excessivo;
  • Apresentar patins de freios, rolamentos, catracas e cuícas de freios em boas condições;
  • Não apresentar vazamentos de óleos e graxas nos cubos de rodas.